quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

Ibovespa bate máxima histórica com avanço das vacinas no Brasil

07/01/2021_

Café com Jornalista – Um conjunto de fatores positivos fez o Ibovespa – principal índice da Bolsa de Valores – bater uma máxima histórica no fechamento desta quinta (7). Pela primeira vez, um pregão fechou acima dos 120 mil pontos.

Ibovespa no fechamento do pregão desta quinta (7) – Reprodução: Google
Ibovespa no fechamento do pregão desta quinta (7) – Reprodução: Google
O recorde foi motivado pela confirmação do democrata Joe Biden como presidente eleito dos Estados Unidos; pelo bom desempenho dos bancos; pela alta das commodities (matérias-primas), puxada pela demanda chinesa; e, sobretudo, pelas notícias positivas acerca das vacinas contra a covid-19.


A principal notícia veio do governo de São Paulo, com o anúncio de que a Coronavac tem eficácia de 78% a 100% comprovada por estudos clínicos. A vacina já está sendo fabricada pelo Instituto Butantan, de SP, em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac.


Segundo o governador de SP, João Doria, o objetivo é iniciar a vacinação de grupos prioritários no dia 25 de janeiro. O Butantan deu início, nesta quinta, à solicitação do registro emergencial da vacina junto à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), fato que animou os mercados.

Outra boa notícia veio do governo do Paraná. Em visita à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro, nesta quinta (7), o governador Ratinho Junior (PSD) afirmou que a vacinação no Paraná deve começar ainda em janeiro, iniciando por profissionais da saúde e comunidades indígenas isoladas.

A imunização a que se refere Ratinho Junior será com a vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e pelo Laboratório AstraZeneca. A produção no Brasil ficará por conta da Fiocruz, a partir de 20 de janeiro, contribuindo de forma significativa para a vacinação não apenas no Paraná, mas em todo o território nacional.


Bolsa de Valores

Com alta de 2,76%, o Ibovespa fechou a 122.385 pontos, com volume financeiro negociado de R$ 41,245 bilhões. Segundo o site InfoMoney, "além de máxima histórica na Bolsa, a quinta também foi a maior alta do benchmark em um só dia desde 5 de novembro, quando o índice disparou 2,95%".

A boas-novas sobre o avanço das vacinas foi fundamental para o bom desempenho do Ibovespa porque, segundo especialistas, a eficácia dos imunizantes contra a covid-19 fortalece a expectativa de melhora na questão econômica. A volta à normalidade, sem risco de um novo lockdown, passa pela vacinação em massa da população.


>>> Eleições 2020

* Matérias e opiniões publicadas no Café com Jornalista estão compreendidas pela atividade jornalística e amparadas pela liberdade de imprensa e de expressão. (Do editor)



A página do Café no Facebook superou a marca de 3.000 curtidas na Sexta-feira Santa, em 10 de abril, graças aos leitores assíduos que apoiam o blog. Para ser informado sobre novas matérias publicadas, curta você também e convide seus amigos para curtir. Clique aqui.


Para receber as últimas notícias do Café com Jornalista no seu WhatsApp é muito fácil. Basta enviar para o número acima a mensagem "Quero Café", informando seu nome e sua cidade de origem. Seu número será, então, adicionado a uma lista de transmissão dos seguidores do blog. A qualquer momento, você poderá cancelar a inscrição. 


0 comentário(s):

Postar um comentário

Editor

Minha foto
Graduado em Jornalismo e pós-graduado em Jornalismo Digital, o editor do Café com Jornalista tem 20 anos de experiência na profissão. Especialista na cobertura de política, o jornalista trabalhou nos jornais Diário do Sudoeste, Jornal de Beltrão, Diário do Norte, O Diário de Maringá e Notícias do Dia, onde foi editor-chefe. Foi estagiário na Deutsche Welle (DW), em Bonn (Alemanha), e colaborador da Folha de S.Paulo e Gazeta do Povo. É escritor autor de três e-books: Orfeu e Violeta, Quero Café! e Nas Curvas de Maringá (pesquise na Amazon). Siga no Twitter: @LF_jornalista