"Jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique. Todo o resto é publicidade" George Orwell

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020

Estar grátis para doadores de sangue gera dúvidas sobre inconstitucionalidade

28/02/2020

O projeto de lei que prevê isenção do pagamento do Estar (estacionamento rotativo), por até quatro meses, para doadores de sangue em Maringá terá de percorrer o trâmite normal pelas comissões permanentes da Câmara Municipal. Na sessão ordinária desta quinta (27), o autor do projeto, Odair Fogueteiro (PDT), pediu a retirada do regime de urgência.

Odair Fogueteiro defendeu o projeto Salvando Vidas no grande expediente: "O projeto não morreu"
Fogueteiro percebeu que a concessão do benefício aos doadores de sangue, por meio do projeto denominado "Salvando Vidas", poderia ser rejeitado na urgência sob a alegação de inconstitucionalidade. Se isso ocorresse, proposta similar só poderia voltar a ser discutida em 2021.

"Para abranger melhor a discussão do projeto, vamos pedir a suspensão da urgência, não o arquivamento do projeto", comentou Fogueteiro. "Assim, [o projeto] poderá tramitar de uma forma mais tranquila nas comissões", acrescentou o vereador.

Um dos vereadores ouvidos pelo Café com Jornalista disse, em off, que o projeto não seria aprovado, por haver norma federal vetando esse tipo de vantagem a doadores de sangue. "Todavia, São Paulo fez algo similar e lá passou", comentou o parlamentar, sobre um dos argumentos que Fogueteiro certamente apresentará para sustentar seu projeto.

"Não é inconstitucional. O projeto pode tramitar", disse Fogueteiro, que se dispõe a fazer ajustes na proposta para garantir a aprovação. Ele ressaltou que a carteirinha de doador já garante outros tipos de vantagens, como a meia-entrada em eventos culturais, não sendo inconstitucional por esse motivo.

O projeto demandará atenção especial da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), responsável por dar o parecer sobre a constitucionalidade ou não das matérias em trâmite no Legislativo. 

Cotação do dólar bate novo recorde e supera a marca de R$ 4,50

28/02/2020

Perdeu a aposta quem afirmou que era só tirar a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) para fazer o dólar despencar. No governo Bolsonaro, a moeda norte-americana segue batendo recordes, chegando ao patamar de R$ 4,50 nesta quinta-feira (27).


Diante das tensões econômicas causadas pelo novo coronavírus, o dólar abriu o dia em alta, chegando a R$ 4,5016 por volta do meio-dia. A moeda encerrou o dia com pequeno recuo, negociada a R$ 4,4764. A alta de 0,8% no fechamento representa um recorde nominal (desconsiderada a inflação) histórico. O dólar turismo foi negociado a R$ 4,67 (na média).

Nunca antes – como diria o ministro da Economia, Paulo Guedes – foi tão caro viajar para a Disney.   


Câmara concede título de cidadão benemérito a Gilmar do "Méqui"

28/02/2020

O empresário Gilmar Leal Santos é o novo cidadão benemérito de Maringá. O título foi aprovado pela Câmara Municipal, na sessão ordinária desta quinta (27), por meio do projeto de lei 15.416/2019, de autoria dos vereadores Mário Verri (PT) e Jean Marques (PV).

Mário Verri (foto) e Jean Marques foram os proponentes da homenagem
Coube a Verri apresentar na tribuna o extenso currículo do homenageado. Natural de Apucarana, Leal, 59 anos, foi funcionário da Copel e da Banestado Informática no início de sua carreira profissional. Formado em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) deixou um emprego promissor na IBM para empreender.

Gilmar Leal – Arquivo Pessoal
Conhecido como Gilmar do "Méqui", mudou-se para Maringá em dezembro de 1996. Na cidade, é proprietário das unidades do McDonald's, de inúmeras outras franquias e da rede Cineflix de cinemas, gerando centenas de empregos. "Gilmar também já foi empresário do ano de Maringá [em 2018]", comentou Verri. "Quem tem a oportunidade de conviver com ele, sabe de sua simplicidade", acrescentou.

Poeta, Leal é reconhecido como um dos grandes incentivadores da cultura local. "Sua história, por si, já demonstra o quanto ele tem sido importante para Maringá na área empresaria e cultural. Ele é daqueles brasileiros que começou simples e construiu sua história através de muita dificuldade", disse Marques.

O projeto foi aprovado por unanimidade. Eram necessários dez votos para aprovação o projeto. Segundo Marques, a data da entrega da outorga ainda não foi definida.

Cafeinado: Servidores definem pauta de reivindicações com 14,11% de reajuste

28/02/2020

Os servidores municipais de Maringá pedem 14,11% de reajuste nos salários. Essa é principal pauta da categoria na campanha salarial deste ano, que inclui uma ampla lista de reivindicações gerais e específicas dos trabalhadores da Prefeitura. Realizada no Auditório Luzamor, na noite desta quinta (27), essa foi a primeira assembleia conduzida pela nova presidente do Sismmar (sindicato da categoria), Priscila Guedes.

Entre as pautas gerais também se destacam o pedido de aumento do vale-alimentação dos atuais R$ 337,50 para R$ 500, com redução da contrapartida de 18,5% para 1%; e o pagamento de auxílio saúde para os aposentados da Prefeitura no mesmo valor do vale pago aos trabalhadores da ativa. Os benefícios não impactam no limite da folha de pagamento.

Assembleia foi realizada no Auditório Luzamor – Foto: Phill Natal/Sismmar

Ilaese
A assembleia definiu as reivindicações pautada em dados do Instituto Latino Americano de Estudos Socioeconômicos (Ilaese), que aponta margem nas contas do município para concessão de reajuste acima da reposição da inflação. O Ilaese serve de referência para os sindicatos ligados à CSP-Conlutas (central sindical da atual diretoria do Sismmar), assim como o Dieese para os sindicatos ligados à CUT (central sindical da diretoria anterior).

Mesa de Negociação
A primeira reunião da mesa de negociação do Sismmar e comissão com sete servidores com o governo Ulisses Maia (PDT) ocorrerá segunda (2), no Paço. O prefeito será representado pelo chefe de Gabinete, Domingos Trevisan, e secretários. O resultado da reunião será apresentado para a categoria em assembleia, terça (3), novamente no Luzamor.

Expectativa
Por se tratar de ano de eleições municipais, há entre os servidores a expectativa de conquistas acima da média das campanhas salariais anteriores. O peso da categoria é grande. Se consideradas suas famílias, os 13 mil servidores municipais de Maringá representam um universo de aproximadamente 40 mil eleitores. Um abacaxi para Ulisses (mais popular entre os servidores do que os ex-prefeitos Silvio Barros e Roberto Pupin) descascar. 



Inflação
O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) foi de 0,22% em fevereiro, o menor resultado para o mês desde o início do Plano Real (1994). A inflação por esse índice soma 4,21% no acumulado dos últimos 12 meses. Isso na teoria. Quem vai ao mercado e paga boletos sempre suspeita de uma inflação real maior do que a oficial. Medido pelo IBGE, o IPCA serve como referência para a inflação dos alimentos.

Luzamor I
Palco da assembleia os servidores, o Auditório Luzamor poderá ser desapropriado pelo poder Executivo. É o que prevê um projeto de lei, em trâmite na Câmara Municipal, que declara o prédio de utilidade pública. Autor da proposta, o vereador Onivaldo Barris (sem partido) pediu o adiamento da votação do projeto por duas sessões.

Luzamor II
Vizinho ao Parque do Ingá, o Luzamor é um dos mais belos auditórios de Maringá – com uma fachada que é um dos cartões-postais da cidade (foto abaixo). Como o prédio tem enfrentado problemas de conservação, uma eventual desapropriação teria por objetivo a preservação deste que é um dos "templos" da arte e da cultura maringaense. Seu tombamento é cogitado há alguns anos.

PS.: Leitor dos mais qualificados, Tiago Valenciano lembra que o tombamento ocorreu em 2016. Errata feita! Segue a lista de prédios tombados no município


A bela fachada do Auditório Luzamor
Mega-Sena
Duas apostas acertaram as seis dezenas do concurso 2237 da Mega-Sena, que estava ultra-acumulada. Os felizardos, de Rio Branco (AC) e Fortaleza (CE), vão dividir o prêmio de aproximadamente R$ 211,6 milhões. Segundo a Caixa, desconsiderando a Mega da Virada, esse foi o segundo maior prêmio pago na história dos concursos regulares.

Na trave!
No mesmo sorteio, 263 apostas acertaram a quina, faturando R$ 44,5 mil cada. Diria que dá para pagar algum boleto com essa soma ou, ainda, para tomar alguns cafezinhos em Paris. O Fato Maringá foi o primeiro site a informar que um apostador da cidade está entre os acertadores das cinco dezenas. A aposta foi feita na Lotérica Mandacaru.

Terminal
Chegou o grande dia! Ocorre nesta sexta (28) a tão aguardada inauguração do Terminal Intermodal de Maringá (leia mais aqui). Para preparar os passageiros para a nova estrutura, a Prefeitura divulgou um vídeo bem didático (e com sotaque maringaense), apresentado pela jornalista Camila Lucio. Assista: