sexta-feira, 9 de outubro de 2020

Carta do Movimento Mais Mulheres no Poder já tem apoio de nove prefeituráveis

09/10/2020_

Café com Jornalista – Dos 13 candidatos a prefeito de Maringá, nove já assinaram a Carta Compromisso com reivindicações do Movimento Mais Mulheres no Poder. Alguns o fizeram com ressalvas, conforme relatos na página do movimento (veja aqui). 

O prefeiturável Annibal Bianchini assinou a Carta Compromisso na quarta-feira (7) – Foto: Divulgação/Mais Mulheres no Poder
O documento está sendo entregue por candidatas ligadas ao movimento suprapartidário a todos os prefeituráveis. Já assinaram: Annibal Bianchini (PTC), Professor Edmilson (Psol), Eliseu Fortes (Patriota), Coronel Audilene (PP), Akemi Nishimori (PL), Rogério Calazans (Avante), José Luiz Bovo (Podemos), Carlos Mariucci (PT) e, nesta sexta (9), Homero Marchese (Pros).


Ainda serão visitados por integrantes do movimento os candidatos Ulisses Maia (PSD) e Dr. Batista (DEM). O movimento aguarda a assinatura dos candidatos Valdir Pignata (Cidadania) e Evandro Oliveira (PSDB), que já receberam o documento.

Em nota, Pignata informou se comprometer com a causa feminina, criando soluções para as mulheres vítimas de violência e em situação de vulnerabilidade social. Integrantes do movimento ainda não consideraram a Carta Compromisso como assinada por Pignata porque ele não se comprometeu de forma espefífica com as duas principais demandas do movimento.


O documento propõe: 1) A ocupação de 50% dos cargos de primeiro e segundo escalão de secretarias e diretorias por mulheres; 2) A destinação de 4% do orçamento do município para políticas públicas de enfrentamento à violência contra a mulher. "Queremos que os candidatos se comprometam com essas duas causas", diz uma das integrantes do movimento.

Nona assinatura

A matéria já havia sido publicada, quando o Café recebeu a confirmação de que Marchese havia assinado a carta, com ressalvas, nesta sexta (9). Portanto, sobe para nove o número de prefeituráveis que já se comprometeram com as duas demandas do movimento. O número foi atualizado na matéria.

Leia na página do movimento sobre a entrega da carta a Marchese.

Live

Nesta sexta (9), às 20 horas, o percentual de 4% será discutido em live por duas integrantes do movimento. Professora Ana Lucia (PDT) e Terezinha Pereira (PP) abordarão o tema "Lugar das Políticas de Enfrentamento à Violência contra a Mulher é no Orçamento". A live será transmitida nas páginas das candidatas. 






>>> Sobre o Café
>>> Sobre o Jornalista
>>> Cafeinado
>>> Maringá
>>> Política
>>> Economia
>>> Geral
>>> Entrevistas
>>> Artigos
>>> Imprensa

* Matérias e opiniões publicadas no Café com Jornalista estão compreendidas pela atividade jornalística e amparadas pela liberdade de imprensa e de expressão. (Do editor)



A página do Café no Facebook superou a marca de 3.000 curtidas na Sexta-feira Santa, em 10 de abril, graças aos leitores assíduos que apoiam o blog. Para ser informado sobre novas matérias publicadas, curta você também e convide seus amigos para curtir. Clique aqui.


Para receber as últimas notícias do Café com Jornalista no seu WhatsApp é muito fácil. Basta enviar para o número acima a mensagem "Quero Café", informando seu nome e sua cidade de origem. Seu número será, então, adicionado a uma lista de transmissão dos seguidores do blog. A qualquer momento, você poderá cancelar a inscrição. 
Merece:

0 comentário(s):

Postar um comentário