sexta-feira, 3 de julho de 2020

Suíça restringe visitantes do Brasil e de mais 28 países com alto risco de infecção

03/07/2020_

Com Agência Brasil – A partir de segunda (6), viajantes de 29 países que quiserem ir à Suíça terão que se registrar com as autoridades e se autoisolar para evitar o ressurgimento do coronavírus. O anúncio foi feito ontem pelo governo suíço.

Genebra, na Suíça. Café com Jornalista
Genebra, Suíça – Foto: Wikipedia
A lista inclui Brasil, Estados Unidos, Suécia, Rússia, Argentina, Chile, Colômbia, Arábia Saudita, África do Sul e Sérvia, entre outros. De acordo com a agência Reuters, esses países foram classificados como de alto risco de infecção.


Os visitantes com passagem nessas nações, nos 14 dias anteriores, terão de notificar as autoridades suíças de imediato, ao chegar, e ficar dez dias em quarentena, segundo o governo. A lista inclui ainda  e será revisada continuamente.

O número de infecções começou a aumentar na Suíça nos últimos dias, provocando o receio de uma segunda onda de covid-19, mas suas fronteiras com Itália, Áustria, Alemanha e França estão abertas no momento. O país, que suspendeu muitas de suas restrições, entre elas a reabertura de escolas e lojas, teve 31.967 testes positivos de covid-19 e 1.686 mortes até agora.

A Suíça faz parte do Espaço Schengen de 26 nações, que normalmente não têm verificações nas fronteiras. As viagens irrestritas entre a Suíça e todos os outros membros do Schengen estão permitidas, exceto a Suécia, que consta da lista governamental.


Citada como exemplo pelo presidente Jair Bolsonaro na pandemia, a Suécia admitiu, há um mês, que errou no combate à covid-19. Os números da doença no país foram bem piores que o de outras nações escandinavas, que adotaram o lockdown como prevenção ao coronavírus (relembre).

Livro Orfeu & Violeta. Amazon. Luiz Fernando Cardoso. Café com Jornalista




>>> Sobre o Café
>>> Sobre o Jornalista
>>> Cafeinado
>>> Maringá
>>> Política
>>> Economia
>>> Geral
>>> Entrevistas
>>> Artigos
>>> Imprensa

* Matérias e opiniões publicadas no Café com Jornalista estão compreendidas pela atividade jornalística e amparadas pela liberdade de imprensa e de expressão. (Do editor)



A página do Café no Facebook superou a marca de 3.000 curtidas na Sexta-feira Santa, em 10 de abril, graças aos leitores assíduos que apoiam o blog. Para ser informado sobre novas matérias publicadas, curta você também e convide seus amigos para curtir. Clique aqui.


Para receber as últimas notícias do Café com Jornalista no seu WhatsApp é muito fácil. Basta enviar para o número acima a mensagem "Quero Café", informando seu nome e sua cidade de origem. Seu número será, então, adicionado a uma lista de transmissão dos seguidores do blog. A qualquer momento, você poderá cancelar a inscrição.
Merece:

0 comentário(s):

Postar um comentário