segunda-feira, 6 de julho de 2020

Covid-19: regras do novo decreto de Maringá beiram o lockdown aos domingos

06/07/2020_

Maringá tem um novo capítulo na novela dos decretos municipais. Nesta segunda (6), o prefeito Ulisses Maia (PSD) publicou no Órgão Oficial do Município regras mais rígidas de prevenção ao novo coronavírus (covid-19), em especial para os fins de semana. 

O Decreto 943/2020 terá validade de 14 dias, a contar de quarta-feira (8). A publicação ocorre um dia após o município registrar o recorde de 91 novos casos, com mais uma morte (a 19ª no total) e aumento da ocupação dos leitos de UTI para a covid-19.

Decreto 943/2020 da covid-19 em Maringá. Café com Jornalista
Clique na imagem para ler o decreto na íntegra
Aos domingos, praticamente nada poderá funcionar em Maringá. O serviço de transporte público, por exemplo, será suspenso aos sábados e domingos. Nos dias de semana, segue valendo a regra do trânsito dos ônibus apenas com passageiros sentados.

ATENÇÃO: novo decreto revogou a suspensão do transporte coletivo aos sábados e domingos. Leia aqui!


"Passamos o dia [domingo] em reunião técnica, conversando com nossos técnicos e secretários, analisando todos os indicadores para decidir as medidas que são necessárias. Faremos tudo o que for necessário para preservar vidas. Precisamos da colaboração de todos para vencer a covid". disse Ulisses, em sua página no Facebook.
A proibição de abrir aos domingos engloba, inclusive, supermercados, mercados, mercearias, quitandas, padarias, açougues e peixarias. Os mercados e similares podem funcionar de segunda a sábado, das 8h às 20h, sendo proibido o ingresso de crianças e de mais de uma pessoa por família.

A medida se aplica também às feiras livres, que estão suspensas aos domingos. A Feira do Produtor, realizada no estacionamento do Estádio Willie Davids, fica autorizada a funcionar às quartas-feiras, das 16h às 20h, e aos sábados, das 6h às 11h. 

As atividades da construção civil e das indústrias ficam proibidas aos sábados e domingos. A exceção no setor são as unidades "cujo processo produtivo não possa ser interrompido sob pena de inviabilizar a finalização do produto".


O novo decreto praticamente só abre exceção para a fé. Os templos religiosos poderão realizar até duas celebrações semanais, incluindo os domingos, desde que a lotação máxima não exceda os 30%. Há uma série de restrições previstas, incluindo a proibição de hipertensos e diabéticos nas missas e cultos (veja os detalhes no artigo 11 do decreto). 

Livro Orfeu & Violeta. Amazon. Luiz Fernando Cardoso. Café com Jornalista

Restaurantes

Poderão atender presencialmente de segunda a sexta, das 8h às 15h. A medida inclui também bares, lanchonetes, petiscarias, sorveterias, casas de açaí, cachorro-quente, food truck, praças de alimentação de shoppings e galerias, lojas de conveniência e estabelecimentos congêneres. 

Nos fins de semana, o atendimento presencial fica proibido, mas os estabelecimentos poderão atender via delivery até as 22h. O drive thru só é permitido no horário de atencimento presencial. 


Outros

Salões de beleza e barbearias poderão atender de segunda a sexta, das 9h às 17h. A aglomeração e a permanência de pessoas ficam proibidos em áreas públicas de lazer, como quadras esportivas, academias da terceira idade, unidades do projeto "Meu Campinho", pistas de skate e praças em geral. 

As multas para o caso de descumprimento são bem variadas, começando por R$ 500 para pessoas físicas aglomeradas em áreas públicas até R$ 5.000 para estabelecimentos comerciais, que ainda podem ter a atividade suspensa por 15 dias em caso reincidência no descumprimento do decreto. 

Regras básicas de convivência na pandemia permanecem as mesmas, como o uso obrigatório de máscara e o distanciamento social. Nas filas, por exemplo, a distância mínima é de 2 metros. Nos templos religiosos: 1,5 metro.  


Comércio

Não está contemplado no Decreto 943/2020. Portanto, seguem valendo as regras impostas pelos decretos anteriores. O comércio de rua pode abrir das 10h às 16h e os shoppings das 11h às 20h, ambos de segunda a sexta. 

"Continuam em vigor as medidas dos decretos publicados no período da pandemia que não conflitarem com o presente decreto", informa trecho final do novo decreto.





>>> Sobre o Café
>>> Sobre o Jornalista
>>> Cafeinado
>>> Maringá
>>> Política
>>> Economia
>>> Geral
>>> Entrevistas
>>> Artigos
>>> Imprensa

* Matérias e opiniões publicadas no Café com Jornalista estão compreendidas pela atividade jornalística e amparadas pela liberdade de imprensa e de expressão. (Do editor)



A página do Café no Facebook superou a marca de 3.000 curtidas na Sexta-feira Santa, em 10 de abril, graças aos leitores assíduos que apoiam o blog. Para ser informado sobre novas matérias publicadas, curta você também e convide seus amigos para curtir. Clique aqui.


Para receber as últimas notícias do Café com Jornalista no seu WhatsApp é muito fácil. Basta enviar para o número acima a mensagem "Quero Café", informando seu nome e sua cidade de origem. Seu número será, então, adicionado a uma lista de transmissão dos seguidores do blog. A qualquer momento, você poderá cancelar a inscrição.
Merece:

0 comentário(s):

Postar um comentário