quarta-feira, 24 de junho de 2020

Após funcionário ser infectado, Correios informa em nota sanitização do prédio na Avenida Mauá

24/06/2020_

Repercutiu a notícia de que uma unidade dos Correios foi fechada, nesta quarta (24), após um funcionário testar positivo para o novo coronavírus (covid-19). O trabalhador, com mais de 50 anos, é lotado no CDD Aeroporto, unidade resposável por envelopes que fica no prédio da Avenida Mauá, 2.276.

Correios. Café com Jornalista
Correios envio nota à imprensa após o fechamento de unidade se tornar público
Em nota enviada à imprensa, os Correios informaram que estão acompanhando a situação de saúde dos seus empregados, prestando o apoio necessário, além de garantir o funcionamento das atividades operacionais. O protocolo inclui a sanitização dos ambientes e o afastamento imediado da pessoa infectada ou com suspeita de ter contraído o coronvaírus.

Segue trecho da nota:

"O centro de distribuição da empresa localizado na Avenida Mauá, Zona 3, em Maringá, está passando por sanitização hoje (24) e as atividades serão retomadas na unidade nesta quinta-feira (25). O serviço foi direcionado para os outros centros no município, sem prejuízo à população.
 
Seguindo o valor institucional de respeito às pessoas, os Correios não fornecem ou expõem informações relacionadas ao efetivo, pois geram, de maneira desnecessária, insegurança a população e aos empregados. Eventualmente, tais dados podem ser repassados apenas à autoridade médica dos órgãos responsáveis pelo monitoramento da situação de emergência e saúde pública."

Interesse público

Ao cumprir seu papel jornalístico, o Café divulgou o fechamento do CDD Aeroporto por classificar o fato como de interesse público. Num primeiro momento, segundo informações repassadas em off por três funcionários, apenas aquela unidade do trabalhador com covid-19 seria desinfectada.


O problema é que o prédio na Maurá conta com outras duas unidades: o setor administrativo e o CEE, que trabalha com encomendas. No prédio, funcionários das três unidades compartilham áreas em comum, fato que justifica a preocupação externada pelos trabalhadores.

Livro Orfeu & Violeta. Amazon. Luiz Fernando Cardoso. Café com Jornalista

Com a exposição do assunto na imprensa, a empresa decidiu ampliar a desinfecção para todo o prédio. "Como repercutiu a história, o gerente [em Maringá] conseguiu em Curitiba a higienização do prédio todo", comentou um funcionário.

Café apurou, ainda, que lideranças sindicais se articulam para tentar a testagem dos funcionários dos Correios lotados no prédio da Mauá. Apenas com os testes será possível afastar do trabalho outros possíveis infectados. No coronavírus, como já é de conhecimento público, parte dos contaminados – em especial os mais jovens – permanecem assintomáticos.




>>> Sobre o Café
>>> Sobre o Jornalista
>>> Cafeinado
>>> Maringá
>>> Política
>>> Economia
>>> Geral
>>> Entrevistas
>>> Artigos
>>> Imprensa

* Matérias e opiniões publicadas no Café com Jornalista estão compreendidas pela atividade jornalística e amparadas pela liberdade de imprensa e de expressão. (Do editor)



A página do Café no Facebook superou a marca de 3.000 curtidas na Sexta-feira Santa, em 10 de abril, graças aos leitores assíduos que apoiam o blog. Para ser informado sobre novas matérias publicadas, curta você também e convide seus amigos para curtir. Clique aqui.


Para receber as últimas notícias do Café com Jornalista no seu WhatsApp é muito fácil. Basta enviar para o número acima a mensagem "Quero Café", informando seu nome e sua cidade de origem. Seu número será, então, adicionado a uma lista de transmissão dos seguidores do blog. A qualquer momento, você poderá cancelar a inscrição.

0 comentário(s):

Postar um comentário

Editor

Minha foto
Graduado em Jornalismo e pós-graduado em Jornalismo Digital, o editor do Café com Jornalista tem 20 anos de experiência na profissão. Especialista na cobertura de política, o jornalista trabalhou nos jornais Diário do Sudoeste, Jornal de Beltrão, Diário do Norte, O Diário de Maringá e Notícias do Dia, onde foi editor-chefe. Foi estagiário na Deutsche Welle (DW), em Bonn (Alemanha), e colaborador da Folha de S.Paulo e Gazeta do Povo. É escritor autor de três e-books: Orfeu e Violeta, Quero Café! e Nas Curvas de Maringá (pesquise na Amazon). Siga no Twitter: @LF_jornalista