sexta-feira, 22 de maio de 2020

Sessão virtual ganha força após nova falta de vereador por causa da covid-19

22/05/2020_

A ausência de mais um vereador em plenário, por suspeita de covid-19, eleva a cobrança de parte dos parlamentares para que a Câmara Municipal adote a videoconferência nas sessões ordinárias. O presidente da Casa, Mário Hossokawa (PP), ainda se mantém relutante quanto ao uso da tecnologia nas sessões.

Vereador Mário Verri (PT)
Vereador Mário Verri (PT) testou negativo para a covid-19
Na sessão desta quinta (21), o vice-presidente da Câmara, Mário Verri (PT), precisou faltar ao se tornar caso suspeito. O vereador não apresentou sintomas da doença, mas uma funcionária de seu gabinete testou positivo para a covid-19, fato que o colocou em isolamento domiciliar preventivo.


Na tarde de quinta, Verri divulgou o teste negativo para a covid-19. Se a Câmara já contasse com um painel virtual para votação – uma realidade em outras casas legislativas –, o petista poderia ter participado de casa da sessão.

"Vou ficar o quanto eu posso em casa, porque o risco do coronavírus continua", disse Verri. Mas na terça vou à sessão. Quero conversar com o Mário [Hossokawa] para que a gente consiga fazer essas sessões [ordinárias] de casa", comentou.


Antes de Verri, os vereadores Sidnei Telles (Avante) e Altamir dos Santos (Podemos) já haviam perdido sessões por motivo parecido. Eles tinham participado do evento no Hospital Universitário de Maringá (HUM), juntamente com o deputado federal Ricardo Barros (PP), que havia testado positivo para covid-19. Por precaução, Telles e Altamir não compareceram à Câmara antes de realizar o teste. 

Outros vereadores perderem sessões por serem do chamado grupo de risco (idosos e pessoas com comorbidades). Sem as videoconferências, como já mostrou o Café, a Câmara de Maringá corre o risco de não ter o quórum mínimo para as votações durante a pandemia.



>>> Sobre o Café
>>> Sobre o Jornalista
>>> Cafeinado
>>> Maringá
>>> Política
>>> Economia
>>> Geral
>>> Entrevistas
>>> Artigos
>>> Imprensa

* Matérias e opiniões publicadas no Café com Jornalista estão compreendidas pela atividade jornalística e amparadas pela liberdade de imprensa e de expressão. (Do editor)



A página do Café no Facebook superou a marca de 3.000 curtidas na Sexta-feira Santa, em 10 de abril, graças aos leitores assíduos que apoiam o blog. Para ser informado sobre novas matérias publicadas, curta você também e convide seus amigos para curtir. Clique aqui.



Para receber as últimas notícias do Café com Jornalista no seu WhatsApp é muito fácil. Basta enviar para o número acima a mensagem "Quero Café", informando seu nome e sua cidade de origem. Seu número será, então, adicionado a uma lista de transmissão dos seguidores do blog. A qualquer momento, você poderá cancelar a inscrição.
Merece:

0 comentário(s):

Postar um comentário