quinta-feira, 14 de maio de 2020

Pingado: Itaipu abre vertedouros para o escoamento de grãos entre Brasil e Paraguai

14/05/2020_

Na última semana, por motivos de saúde, tive de me ausentar dos comentários semanais aqui no Café. Em tempos de covid-19, qualquer indisposição, confesso, causa medo. Peço desculpas aos caros leitores e seguimos firmes acompanhando o cenário político e econômico de Maringá, Foz do Iguaçu e do Paraná como um todo. É importante, sempre, ao agravamento de algum sintoma, que procuraremos um médico. Estou bem, por sinal!

Além deste jovem jornalista, outra ausência (essa sim preocupa) é a de água no Rio Paraná, que compromete o escoamento de grãos entre Brasil e Paraguai. Os vertedouros da Usina de Itaipu serão abertos na próxima segunda-feira (18), para que o nível do rio aumente e viabilize a entrega, sobretudo de soja, dentro dos prazos.

Usina de Itaipu
Itaipu – Foto: Divulgação

Tributos em Foz

O pagamento de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza), ITBI (Imposto Sobre Transmissão de Béns Imóveis), parcelamentos (normais e Refis), taxas e multas referentes a auto de infração, além de créditos referentes às parcelas de alienação de imóveis, com vencimentos de março a junho foi adiado por mais cem dias, por força do decreto nº 28.101, publicado na terça-feira (12), no Diário Oficial do Município de Foz do Iguaçu. Assim, foi elaborado um novo calendário fiscal para a cidade.

Afrouxamento

A abertura do comércio em Maringá, no período crítico da covid-19 em que o Brasil se encontra, é no mínimo digno de discussão. Por mais que o município tenha "controlado" a propagação do vírus e a capacidade de atendimento do setor de saúde esteja razoável, o momento é o pior possível. É como se estivéssemos de dieta, de janeiro até outubro, para passar o fim de ano na praia e, em novembro, chutar o pau da barraca e comer absolutamente tudo o que víssemos pela frente. De que vale os esforços iniciais se, à chegada do objetivo, sucumbimos aos vãos caprichos? 

Calamidade

O número de municípios que fizeram decretos de calamidade pública, devido à pandemia da covid-19, segue em curva crescente. Nesta quarta (13), a Alep (Assembleia Legislativa do Estado do Paraná) aprovou o estado de calamidade em mais 18 municípios. Agora, o Paraná tem 259 municípios nessa situação, ou seja, quase 65% das 399 cidades do Estado.

Acesso ao crédito

O governo do Estado do Paraná autorizou a entrada em operação do Fundo de Aval Garantidor das Micrcoempresas e Empresas de Pequeno Porte do Paraná. A autorização foi formalizada nesta quarta-feira (13). Gerenciado pela Fomento Paraná, o Fundo poderá alavancar mais de R$ 140 milhões em operações de crédito contratadas pela Fomento Paraná e pelo BDRE. Ao menos 30% do montante deverá garantir operações de Microempresas.

Passos vermelhos

Comecei a ler recentemente o romance recém-lançado de Luigi Ricciardi: "Os Passos Vermelhos de John – ou a invenção do tempo". Para quem já leu algum dos livros de contos do escritor, não é novidade a narrativa envolvente e o primor na escrita. Em seu romance de estreia, Ricciardi coloca a cabocla Maria do Ingá em contato com o escritor John dos Passos. Logo no início, referências brilhantes dos cafés parisienses e da dita "Geração Perdida" de Paris, com Scott Fitzgerald, Ernest Hemmingway e Gertrude Stein, contrapostos em uma Maringá ainda menina no final da década de 50.

Victor em Roma
Victor passando mal em Roma

#TBT em Roma

Hoje, nossa pausa é pela cidade eterna. Vítima das lentes de diversos cineastas, seja em sua forma antiga, seja nos dias de hoje, Roma é de fato um patrimônio da humanidade. Há, para tanto, um velho ditado: "Enquanto houver coliseu, haverá Roma". Embora a imponente estrutura, com mais de 2 mil anos de idade, seja o cartão postal e elemento importante da paisagem romana, eu discordo. Roma vai além. O Fórum Romano, o monumento Vittorio Emanule II, as praças, as igrejas, a gastronomia, tudo, absolutamente tudo, faz de Roma, de fato, Roma. Cada esquina e cada osteria. Simples assim.

☕ Leia as matérias do especial Maringá 73 anos





>>> Saiba mais sobre o colunista
>>> Veja os destaques dos demais colunistas

* As informações publicadas pelos colunistas não refletem, necessariamente, a opinião do Café com Jornalista, que as reproduz em exercício da atividade jornalística e amparado pela liberdade de expressão. (Do editor)



>>> Sobre o Café
>>> Sobre o Jornalista
>>> Cafeinado
>>> Maringá
>>> Política
>>> Economia
>>> Geral
>>> Entrevistas
>>> Artigos
>>> Imprensa

* Matérias e opiniões publicadas no Café com Jornalista estão compreendidas pela atividade jornalística e amparadas pela liberdade de imprensa e de expressão. (Do editor)



A página do Café no Facebook superou a marca de 3.000 curtidas na Sexta-feira Santa, em 10 de abril, graças aos leitores assíduos que apoiam o blog. Para ser informado sobre novas matérias publicadas, curta você também e convide seus amigos para curtir. Clique aqui.



Para receber as últimas notícias do Café com Jornalista no seu WhatsApp é muito fácil. Basta enviar para o número acima a mensagem "Quero Café", informando seu nome e sua cidade de origem. Seu número será, então, adicionado a uma lista de transmissão dos seguidores do blog. A qualquer momento, você poderá cancelar a inscrição.
Merece:

0 comentário(s):

Postar um comentário