terça-feira, 28 de abril de 2020

Dois dos três vereadores que estiveram no evento do HUM não comparecem à sessão da Câmara

28/04/2020

Por precaução, dois dos três vereadores estiveram no Hospital Universitário de Maringá (HUM) faltaram, nesta terça (28), à sessão ordinária da Câmara Municipal. Entre as autoridades presentes no evento no HUM, na sexta (24), estava o deputado federal Ricardo Barros (PP), contaminado pela covid-19.

William Gentil (PSB) foi o único vereador que esteve no HUM a comparecer à sessão – Foto: Marquinhos Oliveira/CMM
Sidnei Telles (Avante) e Altamir dos Santos (Podemos) justificaram a ausência na sessão, informando que médicos recomendaram esperar cinco dias (o do contato, mais quatro dias) antes de fazer o teste para a covid-19. O prazo mínimo, segundo infectologistas consultados por Telles, seria de 72 horas antes de fazer o exame.

☕ Governantes mulheres dão aula no combate à covid-19

Outro vereador presente no HUM, naquela sexta, William Gentil (PSB) fez o exame, testou negativo e compareceu à sessão. Sua presença foi questionada pelo presidente da Câmara, Mário Hossokawa (PP). "Temos a garantia de que o senhor não corre risco e que não coloca os demais vereadores em risco [estando na sessão]?", questionou.

Hossokawa deu o exemplo da comitiva presidencial para exemplificar o quanto é fácil o contágio pelo novo coronavírus. Da equipe que estive com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nos Estados Unidos, no início de março, 23 pessoas testaram positivo para a covid-19. Bolsonaro disse ter testado negativo, mas se recusou a divulgar o resultado do exame.

☕ Ex-presidentes comentam saída de Moro; FHC pede renúncia de Bolsonaro

Gentil disse ter tomado os devidos cuidados, falou que todos no evento estavam de máscara e disse que fez o teste sob orientação médica. "Lamento, num momento de pandemia, ter participado desse evento. Peço desculpas", comentou, durante a sessão.

Outros vereadores criticaram a aglomeração ocorrida no evento do HUM – e comprovada pelas fotos feitas pela assessoria do hospital. "Faça-me o favor. O setor de eventos está sofrendo, sangrando, e o setor público faz evento de inauguração de leitos de hospital. A culpa é de quem organizou [o evento]", criticou Jean Marques (Podemos).

Autoridades presentes na inauguração de leitos do HUM – Foto: ASC/UEM
"Todo mundo sabe que esse evento foi promovido pelo governo do Estado", emendou Mário Verri (PT). "A falta de necessidade do evento é claro, e de ir também. Era para estar inaugurado aquilo [novos leitos] há quanto tempo? Agora, vem fazer politicagem em cima disso?", acrescentou o petista.

☕ Sergio Moro corre risco e precisa ter sua segurança garantida

Médico, o vereador Dr. Jamal (PSB) explicou que o teste deve ser feito quando a pessoa tem os primeiros sintomas, como febre, coriza e cansaço. "Senão, não justifica fazer o teste", disse. Considerando os cinco dias úteis, talvez não dê tempo de Telles e Altamir receberem o resultado do exame antes da sessão de quinta (30).

Ao Café, Gentil disse que prosseguirá participando das sessões normalmente, assim como outras lideranças presentes ao evento que fizeram o exame, testaram negativo e já voltaram às suas atividades. 

Evento no HUM

Na cerimônia de sexta, Ratinho Junior assinou um termo de convênio entre o Estado e o HUM, repassando R$ 15,3 milhões ao hospital, sendo R$ 7,8 milhões para custeio para os próximos seis meses e R$ 7,5 milhões em equipamentos, mobília e insumos médicos. O valor total do investimento será usado para colocar em funcionamento 108 novos leitos, 20 deles em unidade de terapia intensiva (UTI) e 88 de retaguarda na enfermaria.

☕ Conheça sete sites para verificar se a informação é fato ou fake

Ricardo Barros já recebeu alta do hospital. O deputado recupera-se em casa, em isolamento. Leia mais aqui.




>>> Sobre o Café
>>> Sobre o Jornalista
>>> Cafeinado
>>> Maringá
>>> Política
>>> Economia
>>> Geral
>>> Entrevistas
>>> Artigos
>>> Imprensa

* Matérias e opiniões publicadas no Café com Jornalista estão compreendidas pela atividade jornalística e amparadas pela liberdade de imprensa e de expressão. (Do editor)



A página do Café no Facebook superou a marca de 3.000 curtidas na Sexta-feira Santa, em 10 de abril, graças aos leitores assíduos que apoiam o blog. Para ser informado sobre novas matérias publicadas, curta você também e convide seus amigos para curtir. Clique aqui.



Para receber as últimas notícias do Café com Jornalista no seu WhatsApp é muito fácil. Basta enviar para o número acima a mensagem "Quero Café", informando seu nome e sua cidade de origem. Seu número será, então, adicionado a uma lista de transmissão dos seguidores do blog. A qualquer momento, você poderá cancelar a inscrição.
Merece:

0 comentário(s):

Postar um comentário