terça-feira, 21 de abril de 2020

Cafeinado: Casos do novo coronavírus no mundo passam de 2,5 milhões

21/04/2020

O número de casos confirmados de contágio pelo novo coronavírus, que causa a doença infecciosa covid-19, passou de 2,5 milhões em todo o mundo, nesta terça (21). O levantamento é da Universidade Johns Hopkins, que contabiliza 176.926 mortes (até o fechamento desta coluna, às 21h) e 679.793 pacientes curados.

Mais de 1,1 milhão de casos foram relatados na Europa, incluindo quase 400 mil casos na Itália e na Espanha, países onde mais de 10% dos casos relatados foram fatais. Novo epicentro da covid-19, a América do Norte é responsável por um terço de todos os casos, mas com taxa de letalidade menor. Nos Estados Unidos e no Canadá, 5% dos casos relatados foram fatais.

Brasil
Por aqui, de acordo com o balanço desta terça (21) do Ministério da Saúde, são 43.079 casos confirmados da doença e 2.741 mortes (166 nas últimas 24 horas). A taxa de letalidade está em 6,4%. A região Sudeste concentra 53,7% dos casos confirmados de covid-19. Abaixo, infográfico mostra o número de casos e de óbitos nos Estados e no Distrito Federal.

Boletim do Ministério da Saúde
Boletim do Ministério da Saúde: Covid-19 por Estados

Maringá

Neste feriado de Tiradentes, a Secretaria Municipal de Saúde reportou 1.612 casos notificados, com cinco óbitos. Dos 54 casos confirmados, 43 são de pacientes recuperados. Com os 5.000 testes adquiridos pela Prefeitura e Acim para a covid-19, o número de casos confirmados da doença em Maringá vai disparar nos próximos dias. Isso não significará um boom da doença, mas, sim, que havia grande subnotificação de casos pela falta de testes.

Entrevista

A fala do presidente da Câmara de Maringá, Mário Hossokawa (PP), em defesa do isolamento vertical (idosos e pessoas com problemas de saúde ficam em casa) dividiu os leitores. Uma parte gostou da defesa de Hossokawa pela abertura do comércio; outra parte criticou o vereador por causa dos riscos da medida, já que Maringá ainda não atingiu o pico da covid-19. "Por que ele não fica em casa então?", escreveu um leitor ao Café, lembrando que Hossokawa tem mais de 60 anos e, portante, é do grupo de risco. Leia a entrevista aqui

Aduem

A Associação dos Docentes da Universidade Estadual de Maringá (Aduem) realizou uma pesquisa com os docentes para saber se são a favor ou contra a suspensão do calendário acadêmico, neste período de pandemia do coronavírus. O resultado da pesquisa pode influenciar o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UEM (CEP), que deve se reunir esta semana para tratar da continuidade ou não das atividades acadêmicas.

Pesquisa

A Aduem consultou os professores sobre a suspensão/manutenção do calendário acadêmico, bem como a implantação das aulas não presenciais como meio de ferramenta para as atividades de ensino. Grandes universidades já adotaram o ensino a distância, ainda que parcialmente, neste período de pandemia. Vamos ver qual será a decisão do CEP da UEM.

Para refletir


Máscaras I

Em entrevista ao jornalista Milton Ravagnani, o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (Acim), Michel Felippe, disse que a entidade doou 5.000 máscaras aos usuários do transporte coletivo e entregou outras 50 mil aos associados. Outras 20 mil máscaras já foram encomendadas pela Acim para doações futuras. O uso desse equipamento de proteção individual (EPI) é obrigatório em Maringá, desde segunda (20).

Máscaras II

Com a retomada das atividades econômicas na cidade, o uso correto das máscaras é fundamental para prevenir o contágio pelo coronavírus. Contudo, quem disse que o povo entendeu? Nesta terça (21), numa caminhada pelo bairro, percebi que no Bosque 2 a maioria dos transeuntes não utilizava esse EPI, incluindo idosos. Seria exagero da minha parte dizer que um em cada dez estava de máscara, porque o percentual era certamente menor. Para muitos, infelizmente, a ficha só cai com multa ou quando um parente vai parar na UTI. 

Sotaques

Por que o Brasil tem tantos sotaques, com tantas formas de falar entre os Estados? Veja a resposta no vídeo da Superinteressante.


Imprensa

O comunicador Beija-Flor trocou o Sistema Pinga Fogo de Comunicação, onde estava há 29 anos, pela TV Maringá (Band), onde apresentará um programa diário. A despedida foi amistosa. "O respeito vai continuar, tanto do lado do Beija quanto do nosso lado aqui", disse o apresentador Juliano Pinga, filho do lendário Pinga Fogo (comunicador mais conhecido da história de Maringá). Segundo o Portal do Rigon, o convite a Beija-Flor foi feito pelo diretor da TV Maringá, Vicente Malucelli. 




>>> Saiba mais sobre o colunista
>>> Veja os destaques dos demais colunistas


>>> Sobre o Café
>>> Sobre o Jornalista
>>> Cafeinado
>>> Maringá
>>> Política
>>> Economia
>>> Geral
>>> Entrevistas
>>> Artigos
>>> Imprensa

* Matérias e opiniões publicadas no Café com Jornalista estão compreendidas pela atividade jornalística e amparadas pela liberdade de imprensa e de expressão. (Do editor)



A página do Café no Facebook superou a marca de 3.000 curtidas na Sexta-feira Santa, em 10 de abril, graças aos leitores assíduos que apoiam o blog. Para ser informado sobre novas matérias publicadas, curta você também e convide seus amigos para curtir. Clique aqui.



Para receber as últimas notícias do Café com Jornalista no seu WhatsApp é muito fácil. Basta enviar para o número acima a mensagem "Quero Café", informando seu nome e sua cidade de origem. Seu número será, então, adicionado a uma lista de transmissão dos seguidores do blog. A qualquer momento, você poderá cancelar a inscrição.
Merece:

Um comentário: